skip to main content
Ngôn ngữ:
Giới hạn tìm kiếm: Giới hạn tìm kiếm: Dạng tài nguyên Hiển thị kết quả với: Hiển thị kết quả với: Chỉ mục

Importance of riparian forest corridors for the ocelot in agricultural landscapes

Paolino, Roberta M ; Royle, Jeffrey A ; Versiani, Natalia F ; Rodrigues, Thiago F ; Pasqualotto, Nielson ; Krepschi, Victor G ; Chiarello, Adriano G

Journal of Mammalogy, 2018, Vol. 99(4), pp.874-884 [Tạp chí có phản biện]

ISSN: 0022-2372 ; E-ISSN: 1545-1542 ; DOI: 10.1093/jmammal/gyy075

Toàn văn sẵn có

Phiên bản sẵn có
Trích dẫn Trích dẫn bởi
  • Nhan đề:
    Importance of riparian forest corridors for the ocelot in agricultural landscapes
  • Tác giả: Paolino, Roberta M ; Royle, Jeffrey A ; Versiani, Natalia F ; Rodrigues, Thiago F ; Pasqualotto, Nielson ; Krepschi, Victor G ; Chiarello, Adriano G
  • Chủ đề: Areas Of Permanent Protection ; Camera Trap ; Cerrado ; Environmental Law ; Leopardus Pardalis ');}" > Leopardus Pardalis ; Occupancy ; Private Lands
  • Là 1 phần của: Journal of Mammalogy, 2018, Vol. 99(4), pp.874-884
  • Mô tả: Worldwide, private lands have attracted increased attention from conservationists, not only because most of the globe is privately owned, but also because private lands can be an asset to the protected area conservation strategy. In Brazil, the riverine Areas of Permanent Protection (APPs) are a key instrument of the Forest Code to protect biodiversity on private lands, acting as wildlife corridors. We assessed this putative role of APPs by evaluating how ocelot ( Leopardus pardalis ) occurrence is influenced by covariates in 3 cerrado landscapes dominated by sugarcane and managed forests of eucalyptus and pine trees. We collected detection–nondetection data by camera trapping during 2 dry seasons (2013 and 2014) at 208 stations (6,606 camera-days). We estimated ocelot detection and mean relative abundance using a single-species, single-season occupancy model that accounts for heterogeneous detection probability induced by variation in abundance. Modeling results showed that percentage of native forest was the most important covariate to explain mean relative abundance of ocelots. This parameter was also affected positively by APPs, with ocelots being more abundant inside than outside APPs and, unexpectedly, by sugarcane. Given our study design, however, the positive effect of this crop likely reflects the contact zone between sugarcane and native forest. Our findings show that landscape composition affects ocelot abundance and highlight the importance of APPs and Legal Reserves in agricultural landscapes. We conclude that, in such landscapes, compliance to the Forest Code by private land owners is key to supporting ocelot occurrence. As terras privadas vem atraindo cada vez mais a atenção dos conservacionistas mundialmente, não apenas porque ocupam a maior parte do globo, mas também como aliadas da estratégia de conservação de áreas protegidas. No Brasil, as Áreas de Preservação Permanente (APPs) ripárias são um instrumento fundamental do Código Florestal para proteger a biodiversidade em áreas privadas, pois agem como corredores biológicos. A fim de avaliar esse papel das APPs, nós analisamos como a ocorrência da jaguatirica ( Leopardus pardalis ) é influenciada pelas APPs e por outras covariáveis em 3 paisagens de cerrado dominadas por plantações de cana-de-açúcar e silvicultura de eucalipto e Pinus ssp.. Nós coletamos dados de detecção/não-detecção por meio de armadilhamento fotográfico durante 2 estações secas (2013 e 2014) em 208 pontos (6606 câmera-dias). Nós estimamos a detecção e a abundância média relativa da jaguatirica com um modelo de ocupação espécie-única/estação-única, o qual considera que a heterogeneidade existente na probabilidade de detecção é gerada por variações na abundância. Os resultados da modelagem mostraram que a porcentagem de vegetação nativa foi a covariável mais importante para explicar a abundância média relativa da jaguatirica. Esse parâmetro também foi positivamente influenciado pelas APPs, sendo que a abundância desse felino foi maior dentro do que fora de APPs, e, inesperadamente, pela cana-de-açúcar. Contudo, em função do nosso delineamento amostral, o efeito positivo dessa cultura agrícola provavelmente reflete a zona de contato entre a cana e a floresta nativa. Nossos resultados mostram que a composição da paisagem é determinante para a abundância desse felino e ressaltam a importância das APPs e Reservas Legais em uma matriz agrosilvicultural. Nós concluímos que, em paisagens como essas, o cumprimento do Código Florestal é fundamental para a ocorrência da jaguatirica.
  • Số nhận dạng: ISSN: 0022-2372 ; E-ISSN: 1545-1542 ; DOI: 10.1093/jmammal/gyy075

Đang tìm Cơ sở dữ liệu bên ngoài...